Finanças e Investimentos

Planejamento Financeiro Pessoal

  • 4 minutos
  • 16
  • sem comentários.

3 meses atrás

POR: Kleber Stumpf

Planejamento Financeiro Pessoal

Para que tenhamos uma vida financeiramente saudável, é de fundamental importância ter um planejamento financeiro pessoal.

E, o famoso planejamento financeiro pessoal nada mais é do que uma ferramenta para organizar todas suas receitas e despesas do presente, assim como as receitas e despesas futuras de forma centralizada e organizada.

Planejamento Financeiro Pessoal
Planejamento Financeiro Pessoal

Esta ferramenta vai lhe auxiliar a saber quais são seus valores a pagar e a receber, mas como o próprio nome diz é um “planejamento”. Para planejar o seu futuro financeiro é imprescindível que você saiba quais são suas metas de vida a curto (fazer uma viagem), médio (trocar de carro) e longo prazo (alcançar a independência financeira) ou mesmo zerar suas dívidas.

 

Metas ou sonhos?

Aqui é importante ressaltar a diferença entre uma meta e um sonho. Um sonho é algo inatingível que está em um horizonte distante. Posso exemplificar um sonho como comprar uma Ferrari amanhã se, hoje você está no vermelho. Uma meta, é um objetivo alcançável que tem um planejamento passo a passo para alcança-lo.

Se hoje você está no vermelho, não quer dizer que comprar a tão sonhada Ferrari é algo impossível, mas é necessária uma estratégia contemplando um passo a passo de como alcançar este objetivo. É aqui que entra o planejamento financeiro. Primeiramente será necessário sair do vermelho, começar a investir, elevar sua renda…

O planejamento financeiro só irá funcionar se você dedicar uma atenção especial a programar suas metas. Esta primeira etapa é a mais importante, isso porque todo o planejamento será balizado com o objetivo de alcançar estas metas. Com seus objetivos estabelecidos, será possível programar os seus investimentos de forma adequada e, saber em quanto tempo será possível atingir os objetivos traçados.

Venho trabalhando como planejador financeiro a um bom tempo, e ao longo desta experiência incrível, pude perceber que o grande objetivo de quase 90% dos clientes que me procuram é alcançar a independência financeira.

 

Independência Financeira

A independência financeira é a nova aposentadoria, uma posição financeira confortável que lhe permite trabalhar por prazer (caso deseje) por não ter mais preocupações financeiras. Infelizmente a grande maioria das pessoas não sabe qual é o valor que precisam atingir para alcançar este sonho. A resposta mais comum é 1 milhão de reais.

Porém, para ser financeiramente independente você precisará de um capital investido que lhe gere renda passiva suficiente para pagar suas despesas mensais e ainda ter uma sobra. Você saberia dizer precisamente qual o valor de suas despesas para alcançar a independência financeira?

Meu objetivo neste artigo é lhe ajudar na sua caminhada do sucesso financeiro e minha grande dica é, comece agora seu planejamento financeiro pessoal. Você com certeza já ouviu falar do milagre dos juros compostos. O grande cientista Albert Einstein afirmou que os juros compostos foram a maior invenção da humanidade.

Para você ter uma ideia, as ações da AMBEV valorizaram mais de 3.000% desde o surgimento do plano real.

É claro que prever um movimento incrível como este é impossível, mas uma boa carteira de investimento conta com uma participação em ações. A AMBEV foi uma das grandes campeãs em desempenho no plano real, mas não foi a única. Outras empresas como Souza Cruz, Itaú e Gerdau também tiveram desempenhos acima de 2.000% nestes pouco mais de 20 anos de plano real.

Você já deve ter ouvido falar do maior investidor de todos os tempos, Warren Buffet. O que a maioria não sabe é que ao longo de sua carreira de investidor o seu retorno anual foi de aproximadamente 21,20% ao ano. Estas cinco ações que comentei, tiveram um retorno aproximado de 100% ao ano.

Independente do seu perfil de investidor, seus investimentos de longo prazo devem obrigatoriamente ter ao menos uma pequena parte em ações de boas empresas. Além de serem uma ótima forma de renda passiva, o retorno de uma boa empresa sempre será muito acima da renda fixa.

Você está começando agora?

Tenha um cuidado muito especial com o que você lê sobre o investimentos em ações principalmente em portais de notícia. Lembre-se que a função de um jornal é vender notícias, não é prepara-lo para seu futuro. Lembre-se também que ações ou fundos de investimentos imobiliários (vamos tratar sobre eles mais a frente) são investimentos de renda variável.

Investimentos de renda variável são aqueles em que o retorno não pode ser mensurado no momento da aplicação. Em contrapartida, os investimentos em renda fixa são aqueles em que é possível mensurar o retorno no ato do investimento.

Atente-se a palavra mensurar, porque renda fixa não quer dizer que seu retorno é garantido. Apesar de não ser de conhecimento da maioria, investimentos em renda fixa também podem ter retornos negativos. Tenho diversos clientes de consultoria que me procuram desesperados porque tiveram perdas com seus investimentos no tesouro direto.

Se você está entrando agora no mundo das finanças e achou tudo isso muito complicado, meu conselho é para que se você não se sentir capaz de faze-lo sozinho, procure ajuda de um profissional. Por mais que o investimento em um profissional capacitado pareça salgado neste momento ele fará uma diferença incrível na sua vida e você com certeza não irá se arrepender.

Agora, se você é um entusiasta das finanças e apaixonado por uma boa planilha (ou adora ver os gráficos dos aplicativos de finanças pessoais) te convido a continuar comigo nesta jornada. Vamos agora para um passo a passo de como elaborar um planejamento financeiro.

Deixe seu comentário.

sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Simple Share Buttons

Receba um E-BOOK EXCLUSIVO com 9 passos para alcançar o SUCESSO FINANCEIRO!

x